VISITE VIZELA

Jovens das cidades irmãs trabalham juntos em setembro

Termina hoje a visita a Vizela de Mohamed Boudiaf, Mimoun Ahsayen, Celina Reguera e Natalia Santos, representantes das autarquias de Frontignan La Peyrade e Caldas de Reis, respetivamente, após uma jornada de trabalho intensiva para a preparação da atividade Time Travellers.


O grupo esteve toda a quarta-feira em trabalhos com os técnicos municipais de juventude e com a equipa de especialistas que irá operacionalizar a atividade. Para além de acertar todos os pormenores logísticos, de programa e operacionalização, o grupo de trabalho definiu que a atividade realizar-se-á de 3 a 13 de setembro de 2016.

A comitiva teve ainda a oportunidade de ser recebida na Câmara Municipal de Vizela, pelo Sr. Presidente, Dinis Costa, e pela Vereadora da Juventude, Dra. Dora Gaspar, no edifício sede da Câmara Municipal de Vizela.

Na sua intervenção, o edil vizelense congratulou os presentes pelo excelente trabalho que as autarquias têm desenvolvido no âmbito dos protocolos de geminação, destacando o departamento de juventude pela sua pro-atividade na procura de financiamento para o desenvolvimento de ações e atividades de qualidade que promovem o desenvolvimento de competência dos jovens, reforçam a economia local e alimentam a excelente relação das cidades irmãs.

A vontade de continuar o bom trabalho desenvolvido foi também reforçada, quer por Mohamed Boudiaf, representante da cidade francesa, quer por Celina Reguera que representou a cidade galega de Caldas de Reis.

Às 18:00h, o grupo acabou o dia de trabalho ao marcar presença no 18.º plenário do Conselho Municipal de Juventude de Vizela, onde a atividade foi apresentada aos membros e observadores do órgão consultivo da Câmara Municipal de Vizela para as matérias relacionadas com a juventude.

O projeto Time Travellers, aprovado no âmbito de uma candidatura do Município ao programa Erasmus +, Juventude em Ação, KA1 Mobilidade para a Aprendizagem, recebe um financiamento de 10.538,00€ da Agência Nacional ERASMUS+, valor a aplicar na sua quase totalidade na economia local.