VISITE VIZELA

24 de JANEIRO as DATAS da HISTÓRIA


CONCELHO DE VIZELA

1805 - É autorizada por Alvará Régio de 24 de Janeiro, a construção de uma fábrica de papel, com pasta de madeira como matéria prima, nas margens do rio Vizela. O dono de tão importante obra foi Francisco Joaquim Moreira de Sá (pai da poetisa Ana Amália que editou "Murmúrios do Vizela), fidalgo da Casa de Sua Majestade, Cavaleiro professo da Ordem de Cristo e Senhor da Casa e Quinta de Sá (Santa Eulália).
Para pagar a construção da fábrica de papel (diz-se, das primeiras do mundo), alienou 13 moradas de casas, em Guimarães, e onze quintas do património da Casa de Sá. Anos depois, a fábrica foi literalmente destruída no decurso das invasões francesas.

1998 - Filomena Silvano, professora de antropologia da Universidade Nova Lisboa, lança o livro "Territórios da Identidade-Representações do Espaço em Guimarães, Vizela E Santa Eulália».


Victor Hugo Salgado
------------------------------------------------------------------------

NASCEU NESTA DATA

- Vítor Hugo Salgado Vereador da Câmara M. de Vizela

- José Videira, do Hotel do Padre



José Videira


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------

FALECEU NESTA DATA
2014 - Henrique da Silva Leite (S. Miguel)
2012 - Florinda Rosa Teixeira Mendes (Vizela)
2013 - Maria Emília Ferreira (Santa Eulália)

NACIONAL E INTERNACIONAL