FELIZ NATAL

Comunicado do Partido Socialista anuncia a vitória do Movimento Vizela Sempre

COMUNICADO - Movimento Vizela Sempre, por não se rever neste tipo de políticas há muito prometidas para o período de campanha eleitoral, repudia profundamente o comunicado da Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista, na medida em que o mesmo mais não é do que um ataque pessoal e direto ao candidato Victor Hugo Salgado.
Entende o Movimento Vizela Sempre que este tipo de ataques do Partido Socialista de Vizela, assentes na falsidade e no embuste, em nada contribui para um processo eleitoral esclarecedor e construtivo, um processo eleitoral assente num debate de ideias que vise a construção de uma Vizela melhor.

Contudo, e tendo em consideração o desesperado e vil ataque, agora, efetuado pelas hostes do Partido Socialista de Vizela ao candidato Victor Hugo Salgado, cumpre esclarecer que o mesmo exerce, desde 06 de maio de 2016, funções de vereador em regime de não permanência, tendo faltado a, apenas, duas reuniões de Câmara por motivos estritamente pessoais e, por sua vez, do seu foro particular – antecipadamente comunicados e aceites pelo Sr. Presidente da Câmara –, motivo pelo qual não são, nem têm de ser, do conhecimento do Partido Socialista de Vizela.
Nesse sentido, e sem prejuízo do(s) autor(es) do comunicado do Partido Socialista de Vizela andar(em) demasiado ocupado(s) com o seu futuro pessoal, o Movimento Vizela Sempre considera o mesmo profundamente contraditório, atendendo a que:

1.A Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista, neste comunicado, questiona e, inclusivamente, critica a ausência do Vereador Victor Hugo Salgado em duas das 28 reuniões de Câmara realizadas desde 06 de maio de 2016. Contudo, Dinis Costa, Presidente da referida Comissão Política, enquanto Presidente da Câmara, aceitou as justificações atempadamente apresentadas pelo Vereador Victor Hugo Salgado para as referidas ausências.

2.A Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista questiona a ausência do Vereador Victor Hugo Salgado em duas das 28 reuniões de Câmara realizadas desde 06 de maio de 2016. Contudo, ao longo dos últimos quatro anos de mandato, nunca questionou a ausência de outros Vereadores a reuniões de Câmara, que, seguramente, faltaram mais vezes.

3.A Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista questiona a ausência do Vereador Victor Hugo Salgado em duas das 28 reuniões de Câmara realizadas desde 06 de maio de 2016. Contudo, nunca questionou a ausência do Presidente da Câmara, Dinis Costa, em duas das 3 sessões da Assembleia Municipal realizadas desde o início do presente ano.

4.A Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista questiona a ausência do Vereador Victor Hugo Salgado na cerimónia, realizada no dia 26 de maio de 2017, de assinatura do Memorando para cooperação técnica no âmbito da despoluição da bacia hidrográfica do Rio Vizela. Contudo, ao longo dos últimos quatro anos de mandato, nunca questionou o Presidente da Câmara, Dinis Costa, pelas sucessivas ausências e atrasos em cerimónias públicas que ocorreram em Vizela.

5.A Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista questiona a ausência do Vereador Victor Hugo Salgado na cerimónia, realizada no dia 26 de maio de 2017, de assinatura do Memorando para cooperação técnica no âmbito da despoluição da bacia hidrográfica do Rio Vizela. Contudo, durante os primeiros dois anos e meio de mandato, nunca questionou por que razão, nas ausências do Presidente da Câmara em cerimónias públicas, e não obstante a presença do Vice-presidente Victor Hugo Salgado, a Autarquia era representada por um(a) outro(a) Vereador(a).

Deste modo, e não obstante o comunicado em apreço demonstrar um total desnorte do Partido Socialista de Vizela, entende o Movimento Vizela Sempre que deve a referida Comissão Política Concelhia preocupar-se com as ausências – ou, então, súbitas presenças – do seu candidato João Ilídio Costa em determinados atos ou cerimónias, a partir do dia 05 de maio de 2017, é caso para perguntar: será que vamos ver o João Ilídio Costa a assistir aos jogos do Futebol Clube de Vizela?

A atitude da Comissão Política Concelhia, manifestada no referido comunicado, revela uma grande falta de ideias, falta de agenda política e, principalmente, de capacidade de mobilização, demonstrando um total desespero eleitoral e uma derrota anunciada do Partido Socialista de Vizela e do seu candidato João Ilídio Costa, pois, caso assim não fosse, abstrair-se-iam de ataques pessoais e de chicana política e focavam-se numa campanha positiva, assente no desenvolvimento de iniciativas e num debate político construtivo.

Nas palavras de Eleanor Roosevelt, “grandes mentes discutem ideias, (…) mentes pequenas discutem pessoas”, pelo que, com o presente comunicado da Comissão Política Concelhia de Vizela do Partido Socialista, entende o Movimento Vizela Sempre que está demonstrada, de forma evidente, a “grandeza de espírito” que, atualmente, norteia o Partido Socialista de Vizela.
Por último, e não menos importante, o candidato independente Victor Hugo Salgado, já demonstrou que está – e sempre esteve – a favor do desenvolvimento de Vizela e da melhoria das condições de vida dos Vizelenses, quer seja através da execução de obras públicas, do investimento, público ou privado, em Vizela, do apoio aos motores do desenvolvimento do nosso Concelho ou do apoio às instituições que desenvolvem a sua atividade em prol de Vizela e dos Vizelenses.

MOVIMENTO VIZELA SEMPRE - VICTOR HUGO SALGADO 2017