S. BENTO PADROEIRO DE VIZELA...11 de JULHO. SEJA BEM VINDO

EDUARDO GUIMARÃES: "A melhor prenda é o regresso do Vizela à II Liga"

O Futebol Clube de Vizela evoca hoje com o hastear das bandeiras no estádio (10h00), romagem aos cemitérios e missa (11h00) 79 anos de vida. O presidente do Clube fala ao ddV.


Eduardo Guimarães acaba de ser reeleito Presidente da Direção do Futebol Clube de Vizela, cargo de líder diretivo que desempenha desde 2010 tendo iniciado numa Comissão Administrativa. O DDV foi ouvi-lo falar dos seus projectos e sonhos para um clube que hoje, dia 1 de janeiro, celebra 79 anos de vida e conta com dois títulos de Campeão nacional da III Divisão.
ddV - Acaba de ser reeleito presidente do FC Vizela. Por que decidiu recandidatar-se?

EDUARDO GUIMARÃES - Em principio, este mandato que agora termina seria o último como presidente do clube, uma vez que o essencial a que me tinha proposto (recuperação financeira do clube e colocação do novo sintético) estava conseguido. No entanto, após refletir melhor, vou continuar por mais dois anos, tendo como objetivo principal a construção de novos balneários para a formação.


- Que diferença encontra entre o Vizela de hoje e o de 2010 quando assumiu a presidência duma Comissão Administrativa?
- A principal diferença é que, em 2010, o clube tinha graves problemas financeiros e estava quase a desaparecer. O FC Vizela de hoje tem grandes objetivos para o futuro.


- Em todos estes anos de presidente quais foram as suas maiores alegrias?
- Em termos desportivos, a subida à Segunda Liga e, em termos administrativos e de gestão, a aprovação do Plano de Recuperação pelos credores do clube.


- E tristezas?
- A descida ao Campeonato de Portugal na época anterior.


- A chegada da SAD ao clube o que trouxe de novo?
- A SAD foi constituída para podermos participar, na época anterior, nos campeonatos profissionais. O que foi importante foi abertura do capital da SAD ao investidor SECA.

A novidade é que a SAD é responsável pela equipa de seniores e juniores. Este investidor trouxe a necessária capacidade financeira para cumprir os requisitos mínimos exigidos pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional e o seu Know-How, na vertente desportiva, que se comprova pelo desempenho nesta época.


- Com a SAD em campo pode-se dizer que o seu papel de Presidente do Clube é quase decorativo ou reveste-se de igual importância.
- Não me cabe a mim responder a esta pergunta. Os clubes têm de ter presidente e um clube não é só a equipa de seniores e juniores. Quem está para servir quer o melhor para o clube e parece-me que a solução encontrada é a melhor, apesar de perder poder de decisão.


- A SECA assinou acordo para 10 anos. E se por qualquer motivo não cumprir todos estes anos como será?
- A SECA entrou no capital social da SAD e enquanto quiser será proprietária de 80% da SAD. Entre o FC Vizela e a SAD foi assinado um acordo de entendimento quanto à relação entre as duas entidades por 10 anos, renovável por mais cinco. Se não cumprir, estão estabelecidas as consequências nesse acordo que salvaguardam os interesses do FC Vizela.

- O Clube é apetecível para os investidores? Porquê?
- O clube é apetecível porque nos últimos anos criou valor, além de ter uma massa adepta elevada. Há outros clubes apetecíveis para os investidores só que as dívidas são tantas que esse interesse desaparece.


- Quantos atletas estão hoje ligados ao FCV?
- No futebol formação são cerca de 250 e no atletismo 30 atletas.


- Depois de um interregno o Departamento de Atletismo voltou a abrir portas. Porquê?
- Porque o FCV, neste momento, já tem capacidade financeira para suportar essa modalidade.


- Como tem sido a atividade deste departamento?
- Tem tido uma atividade normal que assenta na formação de futuros atletas que tão bons resultados deu no passado basta recordar as internacionais e campeãs Dulce Félix, Salomé Rocha, Catarina Ferreira, Marisa Barros, algumas com presença nos Jogos Olímpicos…


- É importante que o Vizela tenha no departamento juvenil equipas a disputar os campeonatos nacionais?
- É importante pelo prestígio que traz ao clube e pela apetência que os jovens atletas têm na escolha do clube a representar.



- Qual é o orçamento que o FCV movimenta?
- Cerca de 250 mil euros uma vez que o futebol sénior, agora, é da responsabilidade da SAD.


- Fale-nos agora da equipa sénior. É verdade que pensa ser possível nos próximos dois anos ter esta equipa a disputar a I Liga?
- É possível porque o objetivo do investidor é conseguir a I Liga nos próximos anos.


- E acha que o Vizela tem estruturas e condições económicas para disputar esse escalão?-
- Está a criar estruturas e as condições económicas também serão conseguidas.

- O atual campeonato onde o Vizela ainda não perdeu e regista atualmente dez vitórias consecutivas é desfasado do potencial do seu Clube?
- O FCV tem um bom plantel e uma boa equipa e apesar do que conseguiu até aqui, ainda falta muito para alcançar o objetivo final.


- Pela primeira vez na história do Clube foi integrada uma mulher nos órgãos sociais. A que se deveu esta sua decisão?
- A decisão não foi por ser mulher mas pelas suas competências na sua área de atuação – Design e Multimédia.


- O Vizela comemora hoje 79 anos. Qual é a melhor prenda para os associados
- A melhor prenda seria certamente regressar esta época à II Liga