Visite Vizela

DIRETO: FC Vizela - Bragança...SURPRESA

Vizela desperdiçou várias oportunidades que acabaram por ditar o terceiro empate da época.


FC VIZELA - BRAGANÇA, 1-1
Santa Eulália - Aguias da Graça, 2-0
.
O Vizela tinha tudo para vencer folgadamente mas nas soberanas oportunidades criadas, mormente na primeira parte, a bola não quis entrar. Depois do golo inesperadamente sofrido os vizelenses chegaram à igualdade que lhe permite continuar, a par do Porto e do Sporting, sem derrotas nos campeonatos. Um resultado que também não retira a liderança ao Vizela.
No próximo domingo os vizelenses jogam em Oliveira Santa Maria.

96 - Termina a partida com o Vizela a registar de forma surpreendente o terceiro empate da temporada (1-1).

92 - Aziz falha de cabeça o golo com a baliza à sua mercê. Jogadores transmontanos quebram ritmo de jogo. Mais uma paragem.

90 - Mais seis minutos de tempo de compensação. Joga-se no meio campo do Bragança. Minutos frenéticos.

85 - GOLO DO VIZELA, Miguel Oliveira junto ao poste faz o golo do empate após pontapé de canto. 1-1

80 - Vizela a viver uma situação inédita em casa. Bragança a perder tempo mas a ganhar o jogo.

71 - GOLO DO BRAGANÇA, é isto o futebol. Bragança na frente do marcador. Uma bola cruzada de um pontapé de canto e Serginho, defesa central, ao segundo poste a marcar (em 16 jogos é o quinto golo que o Vizela sofre). 0-1

70 - Sai Paredes e entra Felipe.

65 - Adeptos vizelenses desesperam pelo golo, mas Bragança mantem-se muito fechado.
Minuto de silêncio pelos 8 mortos em incêndio ontem em associação de Tondela.

56 - Carlos Cunha mexe na equipa e faz entrar dois avançados: Correia e Aziz. Saem Panin e André Pinto.

46 - Começa a segunda parte com o Vizela a pressionar novamente. Muito frio no estádio.

45 - INTERVALO - Vizela melhor, como lhe compete, a desperdiçar três oportunidades de golo que resultam no nulo ao intervalo. Falta o golo para a equipa do Bragança, muito fechada, abrir o jogo. 0-0

32 - Bola calca a linha de golo da baliza do Bragança após cruzamento de Forte e defesa transmontana alivia. A ocasião mais flagrante de golo. Bragançanos atacam esporadicamente.

30 - Meia hora de jogo cumprida onde o Vizela teve duas oportunidades flagrantes para marcar mas a bola passou ao lado. 











VIZELA: Pedro Albergaria; João Pedro, João Cunha, Miguel Oliveira, Amian, Evrard, Joni, Panin, Fortes, Paredes e Fortes.
Treinador Carlos Cunha.
Árbitro: Bruno Nunes (AF Viana)

Tarde de inverno com ameaça de chuva e algum sol a raiar.
---
ANTEVISÃO - O Vizela parte hoje para a segunda volta do Campeonato ainda sem conhecer o sabor amargo das derrotas.
Na primeira volta ps vizelenses venceram em Bragança com facilidade uma equipa que luta pela manutenção.