O ddV atingiu os 20 MILHÕES de visitas. OBRIGADO LEITORES.

Calendário 2018 do nacional de enduro

223 pilotos enfrentaram ontem os 40 quilómetros de percurso da segunda prova do calendário 2018 do nacional de enduro. Com organização a cargo do Góis Moto Clube a imensa caravana encheu por completo o Parque do Cerejal nas margens do Rio Ceira numa clara demonstração da popularidade e vitalidade da modalidade.


Segundo classificado na prova de abertura do campeonato nacional de enduro 2018 realizada no final do passado mês, Luis Oliveira conseguiu a vitória absoluta depois de liderar desde a primeira das 11 especiais que os pilotos das duas classes maiores tiveram que enfrentar.

De regresso ao campeonato depois de um ano de ausência o piloto de Sintra voltou a vencer - o que não acontecia desde o dia 25 de Setembro de 2016 então no fecho de época em Alcanena - ao fechar o dia com quase 27 segundos de vantagem sobre Diogo Ventura, segundo classificado na frente de Gonçalo Reis que fechou o pódio beirão. Oliveira e Ventura foram os dois únicos a vencer especiais, cabendo ao regressado piloto de Sintra o sucesso em sete ocasiões ao longo da jornada.

Gonçalo Reis foi terceiro desde a segunda especial, na primeira fechou o cronómetro no segundo posto na frente de Diogo Ventura e assinou o seu primeiro pódio da época na frente de Diogo Vieira, novamente o melhor na sua classe (Elite 1) tal como tinha acontecido na abertura em Vila Nova de Santo André.

O grande azarado do dia foi João Vivas, terceiro na primeira ronda, que se atrasou de forma irremediável na segunda passagem pela Enduro Test ao entregar 4 minutos aos adversários mais directos e descendo cinco posições (quarto para nono) por força de uma queda numa especial rápida e bastante exigente do ponto de vista técnico.

Na classe Open foi Sebastian Buhler que repetiu a vitória da primeira prova, cabendo a João Moura a vitória nos Verdes em termos absolutos e Verdes 2, ele que também tinha sido o vencedor na primeira prova do ano. Na Verdes 1 foi Igor Domingos o vencedor, com Nuno Cação a ser o melhor na Verdes 3. Quem também repetiu vitória foi Joana Gonçalves nas Senhoras enquanto que nos Veteranos Nuno Freitas puxou dos 'galões de campeão' e venceu pela primeira vez este ano.

Vitória na Enduro Cup - que cumpriu aqui a sua primeira prova do ano - para Mateus Cêpa, Fernando Teixeira venceu nos Super Veteranos, Miguel Antunes nas Vintage e Rodrigo Belchior na Youth Cup.

A próxima prova do campeonato será realizada junto ao Douro na Régua e será a primeira ronda do ano com dois dias de duração, a 24 e 25 de Março.