"SE VIZELA NÃO É UMA TERRA GRANDE É SEM DÚVIDA A TERRA DE UM GRANDE POVO" - Américo Tomaz

Ex-Júniores do Vizela comemoram primeira subida ao Nacional

Treinador Zé Manel recebeu das mãos do presidente Eduardo Guimarães o emblema de prata do Futebol Clube de Vizela por ter levado este clube pela primeira vez a um Campeonato Nacional de Juniores na época 1977-1978, equipa de onde saiu o primeiro  jogador internacional.

Bolo de aniversário elaborado pela Pastelaria S. Miguel em Vilarinho.
O encontro serviu para ex-jogadores, ex-diretores e ex-treinadores conviverem ao fim de 40 anos. Na época 1977-1978 os juniores do Vizela subiram pela primeira vez ao nacional da categoria não perdendo qualquer dos jogos disputados. Desta equipa saiu o primeiro internacional formado nas escolas do Vizela, no caso Salvador que integrou a seleção de juniores e viria a jogar na equipa principal do Vizela e depois no Vitória de Guimarães sob as ordens de Pedroto e Artur Jorge tendo ainda representado outros clubes.
Os três presidentes dos órgãos sociais do Clube - Eduardo Guimarães, José Borges e Xavier de Freitas - estiveram presentes, estando ainda os treinadores de então Zé Manel e Firmino Fura (treinador adjunto).
Dos jogadores estiveram presentes o capitão José Luís Teixeira, José Caixeiro, Saul, Vítor, Chico Borges, Rochinha, Coelho, Jorge Polino, Aníbal K, Ezequiel, José Vieira, Manuel Marques, António Campelos, Adão de Nespereira, Salvador, Zé Manel Barbosa e Carriço. Dos diretores de então marcaram presença Manuel Machado (atual presidente da AFB), António Ferreira, Armindo Dias, António Machado, Boaventura Oliveira, Domingos Ribeiro e Serafim Oliveira.
Estiveram ausentes: Zé da Fina, Capataz, António Cunha (diretor) Fernando Correia, Armando Camelo, Adriano, António Vale (massagista), Daniel Videira (treinador adjunto), Zé Luís Vila Real e o guarda-redes Tozé (falecido).
O presidente Eduardo Guimarães felicitou os presentes considerando que o futebol deve ser encarado como uma plataforma de amizade «é isto que eu sempre defendo», palavras corroboradas por José Borges e Xavier de Freitas.
Zé Manel recordou o sucesso alcançado com esta equipa tendo Manuel Machado salientado que coube a este treinador mudar a filosofia de treino do Futebol Clube de Vizela.
O almoço decorreu no restaurante Custódio onde todos os presentes se sentiram muito bem.
Ao intervalo do jogo Vizela-Montalegre os adeptos vizelenses renderam um grande aplauso aos campeões de 1977-1978 ficando a promessa destes se reencontrarem novamente um dia.