"SE VIZELA NÃO É UMA TERRA GRANDE É SEM DÚVIDA A TERRA DE UM GRANDE POVO" - Américo Tomaz

GNR: Operação Baco – Balanço

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre os dias 15 e 28 de maio, intensificou a fiscalização da condução sob influência de álcool, com o objetivo de prevenir a sinistralidade rodoviária e aumentar o sentimento de segurança dos utentes da via.


As ações de fiscalização foram direcionadas para as vias onde as infrações por excesso de álcool são mais frequentes e dão origem a um risco acrescido de acidentes de viação, estando empenhados militares dos comandos territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito (UNT).

Durante o período da operação foram testados 56 016 condutores, tendo sido registados 1 194 excessos de álcool, dos quais 421 exerciam a condução com uma taxa crime igual ou superior a 1,2 gramas por litro (g/l), resultando na sua detenção. Destacamos os distritos de Aveiro, Faro e Coimbra, onde foram verificados 61, 53 e 36 crimes, respetivamente.

Perante estes números, a GNR continuará a intensificar ações de fiscalização no âmbito da condução sob a influência do álcool, no sentido de reduzir o número de vítimas nas estradas.