VISITE VIZELA, Santuário de S. Bento das Peras; Balneários Termais; Parque; Rio; Montanha; Património; História...

Podologistas ajudam peregrinos a chegar a Fátima

Entre os dias 7 e 12 de maio, a Associação Portuguesa de Podologia (APP) vai assistir, gratuitamente, todos os peregrinos que necessitem de cuidados podológicos nos postos estratégicos de Águeda (7), Coimbra (dia 8), Pombal (dias 9 e 10) e Fátima (dias 11 e 12) com um grupo de 50 podologistas voluntários.


São muitos os quilómetros percorridos em pouco tempo, e a sobrecarga de longas caminhadas causam repetidos microtraumatismos nos pés dos peregrinos que se manifestam através das dores, fadiga, bolhas, edemas, excesso de transpiração, entorses, ruturas ligamentares, queimaduras e incapacidade de marcha.

A APP colabora desde 2004 no apoio aos peregrinos a Fátima, colocando à disposição dos mesmos cuidados diferenciados, altamente especializados e com as normas de desinfeção e esterilização adequados, garantindo uma assistência gratuita, indispensável para uma peregrinação mais saudável e segura.

A Associação Portuguesa de Podologia recomenda ainda a todos os peregrinos que não realizem caminhadas superiores a três horas, devendo fazer pequenas paragens (a cada 60-90 minutos) para ingerir algum alimento (rico em hidratos de carbono) e beber líquidos. Devem usar roupas frescas e que permitam a transpiração, usem calçado que permita a respiração do pé e meias de fibras naturais e sem costura. O calçado deve ser arejado, confortável, adequado para caminhar e deve ser usado.

No caso de aparecerem bolhas nos pés, não devem furar, mas sim evitar a fricção no local.

Devem consultar um profissional de saúde em caso de necessidade, não se devem auto medicar.