BOAS FESTAS. FELIZ NATAL. BOM 2019

Acidente grave nas Taipas

Um acidente entre dois automóveis que colidiram de frente fez cinco feridos, dois deles graves, esta sexta-feira à tarde, na fronteira entre a freguesia de Barco e a vila de Caldas das Taipas, no concelho de Guimarães - revela o JN.


Às 16.30 horas, grande parte dos meios de emergência ainda permanecia no local a prestar socorro às cinco vítimas. Os sinistrados mais graves são dois homens, de 41 e 70 anos. Os feridos leves são um homem de 86 anos e duas mulheres, de 30 e 38 anos.

Os Bombeiros Voluntários das Taipas foram alertados às 15.41 horas e mobilizaram doze elementos em seis veículos. No local também estava a GNR das Taipas e a Viatura Médica de Emergência e Reanimação. Depois de socorrerem as vítimas, os Bombeiros transportaram-nas para o Hospital de Guimarães.

O acidente deu-se na zona da Rabata, no cruzamento que dá acesso à Revenda, em Caldas das Taipas. Os carros são um Mercedes C220 de matrícula belga e um automóvel da mesma marca, modelo E220, de matrícula portuguesa.

As autoridades ainda estão a investigar as causas do acidente mas, ao que tudo indica, a tentativa do carro português para entrar num cruzamento terá estado na origem da colisão. O condutor do automóvel belga ainda tentou evitar o acidente mas sem sucesso.

A Estrada Nacional 310, que liga Caldas das Taipas à Póvoa de Lanhoso, esteve condicionada durante cerca de duas horas. Apesar de ser por aquela estrada que passou a Volta a Portugal em bicicleta, a zona onde se deu o acidente não estava no percurso dos ciclistas.

Delfim Machado (Jornal de Notícias)