FESTAS CIDADE DE VIZELA...7 a 14 agosto.Visite. Participe.

Portugal e Alemanha campeões de DownHill no mundial universitário

Portugal arrecada quatro medalhas e primeiro título no Mundial!


À terceira foi de vez! Com a prova de DownHill cumpriu-se a terceira etapa deste Mundial Universitário de Ciclismo que sagrou o atleta português, David Martins, campeão mundial universitário de BTT DownHill. No feminino, o título foi arrecadado pela alemã, Nina Hofmann. Para além do título e respetiva medalha de ouro no masculino, Portugal conquistou ainda, mais três medalhas, o bronze através de João Pereira, e na categoria feminina, prata e bronze através de Daniela Araújo e Catarina Moreira, respetivamente.

A prova que teve lugar no Monte de S. Salvador em Armil (Fafe), arrancou pelas 14h00. Composta por duas mangas (qualificação e final), os atletas, cinco femininos e sete masculinos tinham como objetivo descer o mais rápido possível o percurso de 1.28 km (duas vezes), ultrapassando as diversas irregularidades e obstáculos do terreno.

A prova, onde a adrenalina é uma constante durante a descida vertiginosa, não podia ter corrido melhor ao português David Martins (Instituto Politécnico de Coimbra), que conseguiu cumprir o trajeto em 2:32:605 minutos, batendo todos os outos corredores em pista. O alemão Jannik Abbou ficou a menos de três segundos (2:35:180) e sagrou-se vice-campeão, enquanto o português João Pereira (Universidade do Minho) venceu a medalha de bronze com o tempo de 2:37:037 minutos.

Para David Martins, a prova correu pior do que o costume “raramente caio apesar de ser corredor de downhill, caí na qualificação”, mesmo assim acabou por vencer “apesar de estar um pouco magoado, dei o meu melhor, dei tudo em pista e consegui ganhar” declarou.

O novo campeão mundial referiu ainda que “estava e não estava a contar ganhar”, pois apesar de estar em muito boa forma “os pilotos alemães eram muito bons e o meu colega João também, é um desporto onde tudo pode acontecer” afirmou.

Na prova masculina, Portugal contou ainda com mais três atletas, Francisco Quinaz (Universidade de Coimbra) foi quinto, Francisco Ruivo (Universidade do Minho) foi sexto e Micael Costa (Instituto Politécnico de Santarém) foi sétimo.

Na categoria feminina, a alemã Nina Hofmann confirmou que veio a Portugal para ganhar, sagrando-se campeã mundial universitária com um tempo de 2:56:180 minutos, batendo por uma grande diferença as portuguesas, Daniela Araújo (Universidade Católica – Braga) que foi vice-campeã com o tempo de 5:31:579, Catarina Moreira (Universidade Lusíada) foi medalha de bronze, fez em 5:53:956 e Ana Ramalho cumpriu em 6:27:456.

A alemã afirmou estar a contar ganhar a prova, pois as suas opositoras não estavam ao seu nível “não havia atletas competitivas”, disse. Ainda assim, referiu que a prova foi boa “o percurso era bom, diverti-me”.

Amanhã é a prova de estrada que terá um trajeto de 89,2 km para o feminino, com inicio pelas 09h00. No masculino, o trajeto terá 105 km com partida dada às 14h00.

A prova iniciará em Braga, em frente ao Campus de Gualtar, passará por Guimarães e Póvoa de Lanhoso, terminando de onde partiu.

Após a entrega de medalhas decorrerá a cerimónia de encerramento do evento, no interior do Campus, em frente ao Complexo Desportivo.



Sobre os atletas portugueses masculinos medalhados



David Martins e João Pereira representam a equipa vimaranense Getpro / Linhas Afemar / Torcatense e são alunos, respetivamente, do curso de Engenharia Mecânica do Instituto Politécnico de Coimbra e do curso de Engenharia Eletrónica Industrial e Computadores da Universidade do Minho. Natural de Urgezes, David Martins é o atual Campeão Nacional Universitário de Down Hill e conquistou, além de outros resultados relevantes, o título de Campeão Nacional de Enduro (2014) e as Taças de Portugal de Enduro (2016) e de Down Hill (2014).

João Pereira, vice-Campeão Nacional, vice-Campeão Nacional Universitário e Campeão do Minho de Down Hill, já venceu diversas provas da Taça de Portugal e alcançou resultados meritórios em provas internacionais.





_____________________________________________