80 ANOS...PARABÉNS FUTEBOL CLUBE DE VIZELA

SANTO TIRSO Empresários distinguidos

Reconhecimento da Área Metropolitana do Porto.


Os empreendedores de Santo Tirso Rui Mendes e Bruno Braga, sócios e fundadores da empresa WEASY – Web Made Easy, Lda, foram distinguidos com o Prémio Metropolitano de Empreendedorismo, atribuído pela Área Metropolitana do Porto (AMP), pelo exemplo de superação e inovação capaz de inspirar a comunidade em geral.

Criada em 2017, a WEASY está instalada no Centro de Empresas e Inovação (CEI) da Fábrica de Santo Thyrso e constitui “um excelente exemplo do ecossistema empresarial existente na Fábrica”, acredita o presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto.

Um valor reconhecido, também, pela AMP, em parceria com a Associação Porto Digital, que na passada quarta-feira atribuiu a Rui Mendes e Bruno Braga o Prémio Metropolitano de Empreendedorismo, numa cerimónia que contou com a presença do vereador adjunto da Câmara de Santo Tirso, José Pedro Machado.

O galardão pretende reconhecer, de forma simbólica, e homenagear publicamente 17 personalidades que se destacaram pela sua ação inovadora, dinâmica e empreendedora, considerada relevante para o desenvolvimento do território, da economia e da sociedade da Área Metropolitana do Porto.

Dinâmicos e tecnicamente especializados nas áreas de funcionamento da empresa, Rui Mendes e Bruno Braga têm vastos currículos ligados às tecnologias de informação que fazem da WEASY uma empresa na vanguarda da inovação. A empresa disponibiliza uma plataforma multi canais que permite a venda online no próprio website, facebook, instagram, mobile APP (IOS e Android), entre outros. Todas elas podem ser adaptadas e personalizadas de acordo com a dimensão, necessidade e objetivo de cada cliente.

Destinado a pequenas e médias empresas sem presença online, que pretendam apostar numa imagem diferenciadora, a WEASY propõe-se a atuar não só no mercado nacional, mas também no estrangeiro.

Com as atenções viradas para os mercados da Europa e da África do Sul, a empresa tem pela frente um largo espetro de atuação, uma vez que só em 2017 foram criadas na Europa cerca de 2,7 milhões de empresas, grande parte sem presença online. A forte orientação exportadora é uma aposta já para 2019 e resultará no consequente aumento de quatro para oito colaboradores.