Recuperação de material furtado

O Comando Territorial de Braga, através do Núcleo de Investigação Criminal de Guimarães, hoje, dia 31 de janeiro, recuperou material furtado de uma residência, no concelho de Guimarães.


No âmbito de uma investigação de um crime de furto em residência ocorrido em outubro de 2019, os militares realizaram quatro buscas domiciliárias que culminaram na apreensão de uma consola de jogos e um relógio, bem como de equipamentos utilizados para a realização do furto. Durante as diligências policiais, foram identificados dois indivíduos, de 23 e 36 anos, suspeitos de terem praticado o furto.
Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Guimarães e o material recuperado será devolvido aos legítimos proprietários.

CAÇADOR
O Comando Territorial de Braga, através do Núcleo de Proteção Ambiental de Fafe, no dia 30 de janeiro, deteve um homem, de 48 anos, por exercício de caça em zona condicionada sem consentimento da entidade gestora, em Alvite – Cabeceiras de Basto.
No âmbito de uma ação de fiscalização de caça, os militares abordaram o caçador, que exercia o ato venatório em terrenos de Zona de Caça Municipal de Cabeceiras de Basto sem autorização. Na sequência das diligências policiais foi apreendida uma espingarda e dois cartuchos.
O detido foi constituído arguido e os factos participados ao Tribunal Judicial de Cabeceiras de Basto.

Partilhar