Centro de Saúde da Amorosa em Guimarães com Área Dedicada à COVID-19

Áreas Dedicadas à Covid-19 atendem exclusivamente utentes com queixas respiratórias ou febre.


Numa parceria entre o Agrupamento de Centros de Saúde do Alto Ave e a Câmara Municipal de Guimarães, será implementada a Área Dedicada para avaliação e tratamento de doentes COVID-19 (ADC-Comunidade), a partir do próximo sábado, dando cumprimento às orientações da ARS Norte, no Centro de Saúde da Amorosa, em Guimarães.

A ADC-Comunidade COVID-19 visa a abordagem de pessoas com suspeita de COVID-19; identificar doentes com indicação para autocuidados (tratamento domiciliário); identificar doentes com indicação para avaliação médica nas Áreas Dedicadas COVID-19 nos Cuidados de Saúde Primários e identificar potenciais doentes com indicação para avaliação médica nas Áreas Dedicadas COVID-19 nos Serviços de Urgência.



Esta medida resulta da reorganização dos recursos humanos e materiais afetados à prestação de cuidados de saúde no Serviço Nacional de Saúde (SNS) para dar resposta à avaliação e tratamento dos doentes COVID-19.



Os Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) devem garantir, por todos os meios necessários, cumprindo os princípios de equidade, qualidade e proximidade do SNS, a implementação de Áreas Dedicadas para avaliação e tratamento de doentes COVID-19 (ADC), dando cumprimento as orientações da ARS Norte.



Para efeito de cuidados personalizados à população passam a existir apenas dois tipos de unidades nos cuidados de saúde primários (CSP-ACES): As Áreas Dedicadas à Covid19 (ADC) que atendem exclusivamente utentes com queixas respiratórias ou febre e ainda as Áreas Não Dedicadas à Covid19 (NÃO ADC), que respondem por todos os serviços mínimos, onde se inclui também a receção de altas hospitalares, exceto as doenças respiratórias agudas ou agudizadas ou febre.





Partilhar