Apresentado espaços para lar/residência de retaguarda às USF’s de Vizela


A Câmara Municipal criou dois espaços para lar/residência de retaguarda, no combate à pandemia da covid-19, um para casos positivos que será instalado no pavilhão da Escola Secundária e outro para casos negativos, que será instalado na Escola Básica e Secundária de Infias.
Estes espaços de confinamento têm como função primordial criar retaguarda aos lares e IPSS’s do Concelho ou às residências dos vizelenses, sem cuidados hospitalares.

Assim, estes espaços irão integrar equipas de retaguarda, prontas a assumir funções em cada um dos lares/residência constituídas por enfermeiros, auxiliares e voluntários, para além das pessoas que serão responsáveis por assegurar outras funções como a alimentação, a limpeza e as atividades ocupacionais.

Estes espaços irão disponibilizar 150 camas, enfermarias, quartos individuais, sala de convívio e de refeições, gabinete médico e balneários masculinos e femininos.

Assim, o espaço da Escola Básica e Secundária de Infias irá transformar-se em quartos para acolhimento de utentes não infetados das IPSS’s e que tenham que ser retirados dos lares em caso de se verificar algum caso positivo nesse lar ou ainda pessoas que não estejam infetadas mas que os seus familiares tenham que cumprir isolamento ou quarentena profilática e por isso essas pessoas não tenham condições para ficar no seu domicilio.

O espaço do pavilhão da Escola Secundária irá receber utentes infetados das IPSS’s ou pessoas que estejam infetados e que não tenham condições no seu domicílio para cumprirem o isolamento ou quarentena profilática e assim serem vigiadas por equipas adequadas.

Estes dois espaços estão totalmente equipados e prontos a funcionar, sendo que teve lugar ontem uma visita de apresentação dos espaços às Unidades de Saúde Familiar do Centro de Saúde de Vizela, que irão efetuar o acompanhamento e monotorização diária de todos os casos positivos.

De realçar ainda que as pessoas que possam ser integradas nestes espaços, só serão integradas depois da respetiva avaliação e por decisão ou das IPSS’s ou das USF’s, sendo que terão obrigatoriamente que ser pessoas autónomas.

Os pedidos para alojamento nos dois espaços para lar/residência de retaguarda, podem começar a ser efetuados, através da linha de apoio municipal Covid-19 - 800 104 100, entre as 09.00h e as 17.00h ou através de pedido direcionado ao médico de família.

Quem estiver interessado em dar apoio nestes dois espaços para lar/residência de retaguarda, deve enviar um email para voluntariado-vizelacovid19@cm-vizela.pt ou através da linha de apoio municipal Covid-19 - 800 104 100, entre as 09.00h e as 17.00h.

Esta medida vem juntar-se a um conjunto de outras medidas complementares que a Câmara Municipal tem vindo a adotar, tendo em consideração a atual situação evolutiva do surto epidémico, e com o objetivo de salvaguardar o interesse público municipal.

De destacar que a Câmara Municipal de Vizela tem acompanhado atentamente a evolução do surto epidémico do COVID-19 no concelho e tomado as medidas necessárias para informar a população e apoiar as várias instituições para fazer face às necessidades acrescidas vividas neste momento, efetuando também uma reavaliação diária das medidas de prevenção adotadas e a adotar de modo a prevenir e conter a respetiva propagação.

Partilhar