94.º Aniversário dos Bombeiros de Lousada e assinatura de protocolo

Teve lugar, no passado domingo, a comemoração do 94.º aniversário dos Bombeiros Voluntários de Lousada.

Esta foi também a data de assinatura do protocolo de colaboração entre o Município
e a corporação, no âmbito da atribuição de um Seguro de Saúde.

Na cerimónia, que foi realizada de forma muito restrita, o Presidente da Direção da
Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lousada (AHBVL), Antero Correia,
começou por constatar que estas são umas celebrações completamente diferentes de
todas as outras que já foram realizadas pela corporação.
A necessidade de melhores condições de aquartelamento para os homens e
mulheres foi novamente mencionado, destacando que “os Bombeiros Voluntários
necessitam do apoio da autarquia e da sociedade civil para fazer face a estas
dificuldades, que podem, muitas vezes, colocar em risco a saúde dos operacionais, facto
que sucedeu no decorrer desta pandemia, em que 12 elementos estiveram em
quarentena por terem partilhado camaratas”.
O Presidente da Câmara Municipal, Dr. Pedro Machado, destacou que “a decisão de
requalificação das instalações existentes ou de construção de um novo quartel de raiz
deve partir da AHBVL. Depois da decisão tomada a autarquia dará todo o apoio”.

Seguro de saúde para 100 bombeiros

No que respeita ao protocolo de colaboração entre o Município e a corporação, para
a atribuição de um Seguro de Saúde, o Presidente da Direção da AHBVL, Antero Correia,
destacou que “é uma forma de proteger os cerca de 100 homens e mulheres desta
corporação, que todos os dias lutam pela saúde dos outros. Por isso agradecemos à
autarquia ter contribuído com esta verba de modo a que todos continuem a dar o seu
melhor”.
O Presidente da Câmara de Lousada salientou que “estes tempos têm sido difíceis
para todos, mas sabemos que os Bombeiros Voluntários de Lousada têm estado à altura
deste grande desafio, reconhecendo o vosso trabalho e empenho, demonstrando que são
pessoas de grande valor”.
Relativamente ao protocolo assinado “esperamos que seja benéfico, sendo também
uma forma de recompensa, tendo a certeza de que tudo é pouco perante a
disponibilidade que sempre demonstram em qualquer dia da semana e a qualquer hora.
Este é também o reconhecimento público da população Lousadense, quer aos bombeiros
do quadro ativo, a todos os que já exerceram funções e aos mais novos que se preparam
para o fazer”.

Partilhar