Notícias de Lousada

Várias notícias do concelho vizinho


Vem Correr com Sara Catarina Ribeiro às terças e quintas-feiras

“Vem Correr com Sara Catarina Ribeiro” é a atividade que decorre todas as terças e quintas-
feiras, pelas 19h00, na Pista de Atletismo do Estádio Municipal.

Esta ação está inserida na dinâmica do Centro de Marcha e Corrida de Lousada, juntando-se
ao Free Running, Free Running Especial, Circuito Lousada a Correr e Programa Municipal de
Caminhadas.
O convite é deixado pela atleta e pela Câmara Municipal de Lousada para que apareçam,
independentemente da idade e prática desportiva anterior. De uma forma gradual e adaptada a

cada um, num ambiente acolhedor e descontraído, a prática da corrida da corrida vai sendo
introduzida.


Regulamento Municipal de Gestão de Arvoredo e dos Espaços Naturais
Desde 17 de agosto até 11 de setembro o Regulamento Municipal de Gestão de Arvoredo e
dos Espaços Naturais está em consulta pública.
Este regulamento tem o principal objetivo de proteger a biodiversidade e os serviços dos
ecossistemas associados, principalmente no que respeita às árvores de grande porte, elementos
fundamentais na saúde pública e na qualidade de vida.
O documento reforça as competências da autarquia na proteção ambiental e das árvores,
principalmente das espécies protegidas, mas também de exemplares – de qualquer espécie – com
perímetro à altura do peito igual ou superior a 250 cm.
As observações e sugestões devem ser formalizadas por escrito em documento próprio
disponível, podendo ser remetidas para o endereço eletrónico biolousada@cm-lousada.pt, por
correio normal endereçado à Câmara Municipal de Lousada, Praça Dr. Francisco Sá Carneiro 4620-
695 Lousada, ou entregues pessoalmente nas instalações da autarquia, entre os dias 17 de agosto
e 11 de setembro.


Capacitação de Técnicos na área do Ambiente

O Município de Lousada aprovou a candidatura Erasmus+ “Capacitar para agir – O Pacto
Ecológico Europeu na governança local”, para que cerca de duas dezenas de técnicos autárquicos
recebam formação ambiental específica em várias áreas: da eficiência energética e mobilidade às
águas e resíduos, passando pela proteção da biodiversidade, serviços dos ecossistemas, legislação
ambiental.
Um dos objetivos plasmados no plano estratégico do Ano Municipal para a Ação Climática –
Lousada 2020 – é o de formar técnicos autárquicos na área do ambiente. Para implementar uma
melhor governança local, centrada na sustentabilidade, é fundamental que todos os quadros
envolvidos compreendam os conceitos e metas do Pacto Ecológico Europeu e outros normativos
estruturantes da ação ambiental. Com a formação adquirida, os técnicos podem aumentar a
qualidade do seu serviço e contribuir de forma mais eficaz para os objetivos do desenvolvimento
sustentável, com benefícios para todos.





Apoio ao Associativismo Social e Ambiental

Quase três anos depois do seu início, o projeto Europeu NGEurope - Promoting European
social cohesion through leadership and change engagement by NGOs – co-financiado pelo
programa Erasmus+ e liderado pelo Município de Lousada, chegou ao seu fim.
Com o objetivo de servir de inspiração e guia na criação de novos movimentos cívicos e no
apoio e melhoramento dos que já existem, o projeto disponibiliza agora vários recursos que podem
ser úteis para todos os interessados no setor da Economia Social e Ambiental.
Entre outros, é possível consultar o relatório inicial do projeto que analisa a perceção pública
do trabalho e importância das Organizações Não Governamentais (ONG) em toda a Europa, um
guia com dicas sobre como receber estagiários e voluntários, o manual de criação de novas
coletividades, ou o curso de formação em liderança associativa. Estão também disponíveis vídeos
pedagógicos e entrevistas com pessoas-chave do setor, bem como um observatório com as ONGs
ambientais e sociais de maior impacto nas suas comunidades.

Estes e outros recursos disponíveis e os resultados obtidos ao longo do tempo de duração do
projeto foram apresentados na grande Conferência Internacional do projeto e estão agora
disponíveis no website ngeurope.net.
O projeto NGEurope formou, no total, quase 100 líderes associativos, em cinco países da
Europa (Portugal, Espanha, Áustria, Irlanda e Grécia) e serviu de apoio ou inspiração à criação de
pelo menos cinco novas associações de cariz ambiental.

Partilhar