Covid muda de ano

Há, esta sexta-feira, mais 6951 infetados e 66 mortes por covid-19 em Portugal. Doentes internados em enfermaria descem.


Um dia depois de Portugal ter registado um novo número recorde de infetados (7627), 2021 começa com mais 6951 casos de contágio, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde de hoje, que eleva para 420 629 o total de casos confirmados desde março. Desses, quase 75 mil correspondem a doentes ativos. 

Por outro lado, recuperaram mais 4392 pessoas, elevando para mais de 338 mil o número de doentes dados como curados desde o início da pandemia. A região Norte contabiliza mais 2745 infetados, o que equivale a cerca de 39% do total de novas infeções, elevando para mais de 212 mil o número total de infetados. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, com 2131 novos contágios (e um total de mais de 135 mil). Na região Centro, há mais 1474 casos (em 49 mil), no Alentejo mais 308 (em mais de 11 mil), e no Algarve mais 199 (em quase oito mil infetados). 

O arquipélago dos Açores regista 53 novos casos (em 1885) e o da Madeira mais 41 casos (1642). Quase sete mil mortes desde março No último dia de 2020, morreram 66 doentes com covid-19 - 6972 desde o início da pandemia. 

Vinte e oito mortes foram registadas na região Norte, 23 em Lisboa e Vale do Tejo, 10 no Centro, três no Alentejo, uma no Algarve e uma na Madeira. A grande maioria das vítimas (41) tinha mais de 80 anos, havendo ainda a lamentar 16 mortes na faixa etária dos 70 aos 79 anos, oito na dos 60 aos 69 e uma na faixa dos 50 aos 59.

IN JORNAL DE NOTÍCIAS

Partilhar