Guimarães prepara processo de vacinação em massa a partir do mês de abril


Visita do Presidente da ARS-Norte, Carlos Nunes, ao Centro de Vacinação instalado no Multiusos de Guimarães.

 


Cerca de um milhar de professores e pessoal não docente do 1.º Ciclo e Pré-Escolar foram vacinados este fim de semana em Guimarães num ensaio “positivo” para o processo de vacinação em massa. 

O Presidente da ARS-Norte, Carlos Nunes, visitou este domingo o Centro de Vacinação instalado no Multiusos de Guimarães, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal, Domingos Bragança, e o Diretor do ACES do Alto Ave, Novais de Carvalho, sublinhando a “excelente colaboração” com o Município de Guimarães.

“A Saúde conta com a colaboração das autarquias e Guimarães é um bom exemplo, porque nos Centros de Saúde não teríamos condições físicas para implementar este processo de vacinação, assim como a disponibilidade dos próprios recursos humanos e aqui destaca-se o apoio da Polícia Municipal”, salientou Carlos Nunes, nesta deslocação à Cidade Berço. 

O Presidente da ARS-Norte abordou já a preparação da vacinação em massa a partir de abril. “O processo de vacinação está a correr bem, já vacinámos as ERPIs (Lares) da região Norte e vamos terminar a vacinação na população com mais de 80 anos.

 Este fim de semana estamos a vacinar os professores e pessoal não docente do 1.º Ciclo e Pré-Escolar e vamos vacinar os outros níveis de ensino no fim de semana de 10 e 11 de abril. 

Depois, passamos para a fase de vacinação em massa para que tenhamos, até início de setembro, 70% da população vacinada. Esse é o nosso objetivo para termos imunidade de grupo”, referiu Carlos Nunes.

O diretor do ACES do Alto Ave, Novais de Carvalho, sublinhou a capacidade de resposta já criada para uma nova fase e que obriga a “um grande planeamento”. 

“Até ao fim de abril vamos concluir a vacinação em grupos específicos, como as pessoas com mais de 80 anos, os professores e ainda pessoas acamadas, para começar com a vacinação em massa de modo a que até ao final do verão possamos ter este processo de vacinação resolvido na população de Guimarães”, frisou.

Domingos Bragança manifestou “total abertura da Câmara Municipal” para reforçar a cooperação que tem sido uma constante nesta resposta à pandemia. 

“Temos feito um trabalho de articulação constante com as entidades de saúde e diversas instituições e é nesse sentido que vamos manter este apoio, que tem dado excelentes resultados, atendendo às necessidades dos Vimaranenses”, referiu Domingos Bragança. 

“Esta visita do Presidente da ARS-Norte serviu para iniciar a fase da vacinação para a população em geral, onde a Câmara Municipal pode proporcionar as condições necessárias e apoio de logística”, assegurou o Presidente da Câmara.


Partilhar