Ecovia do Selho vai ligar 15 freguesias

 

Proposta da Ecovia do Selho para ligar 15 freguesias no concelho de Guimarães Percurso de 22 quilómetros em toda a extensão do rio Selho que atravessa o concelho de Guimarães

e faz ainda a ligação à Ecovia do Ave, através de percurso pedonal e ciclável.

A proposta de traçado da Ecovia do Selho foi apresentada esta segunda-feira, 29 de março, aos presidentes das Juntas de Freguesia, num projeto elaborado pelo Laboratório da Paisagem e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, em coordenação com a Câmara Municipal. 

Este traçado passará por 15 freguesias e Uniões de Freguesias, com a criação de pontos de interesse ao longo do percurso, fazendo ainda a ligação à Ecovia do Ave. “Será um grande Parque que conecta duas linhas de água – rio Selho e rio Ave – que poderá tornar-se num caso de estudo para outros municípios”, referiu Frederico Meireles, professor da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, destacando os critérios técnicos e científicos para complementar esta ecovia ao longo do rio Selho. 

Segundo o Presidente da Câmara Municipal, a ligação da Ecovia do Selho à Ecovia do Ave “vai permitir que em Guimarães teremos um Parque Linear da Biodiversidade e que será de referência para o país”. Domingos Bragança destaca o “percurso integrado da ecovia do rio Selho, desde a nascente em Gonça até desaguar em Serzedelo, no rio Ave, do qual é afluente. É um passo importante para a população voltar a viver o rio, sabendo que há percursos de maior conflito, mas que constituirão uma oportunidade para intervirmos, reabilitando e beneficiando, na preservação do nosso património natural, edificado e também cultural, com a envolvência dos nossos Presidentes de Junta de Freguesia”, salientou. 

O Presidente da Câmara ressalva que este é um “projeto inclusivo” e apela ao envolvimento da comunidade, das Brigadas Verdes e da comunidade escolar na resposta a um desafio “obrigatório” que é “proteger o nosso habitat e fazer com que o futuro seja ambientalmente sustentável”. O projeto da Ecovia do Selho permitirá a ligação entre várias freguesias, desde Serzedelo, Gondar, Selho S. Cristóvão, Selho S. Jorge, Candoso S. Martinho, Silvares, UF Candoso S. Tiago e Mascotelos, Creixomil, Fermentões, Pencelo, Azurém, UF Selho S. Lourenço e Gominhães, Aldão, São Torcato e Gonça. No complemento desta ligação, foi dado a conhecer ainda a execução da obra do Parque de Lazer da Batoca, em Candoso S. Martinho, que será o elo da ligação do novo tramo de Ecovia desde a Cidade Desportiva até Selho S. Jorge e Selho São Cristóvão.

Partilhar