VIZELA CIDADE NATAL 2018. APAREÇA.

COMUNICADO DA CÂMARA DE VIZELA SOBRE AS TERMAS

Como é de conhecimento público, as negociações entre a Companhia dos Banhos de Vizela e o Grupo Tesal, respectivamente, o Eng. Carlos Coutinho e o Dr. Tomás Ares, falharam.

Face ao exposto, não se viabilizou a reabertura das Termas de Vizela, motivo pelo qual a Câmara Municipal de Vizela, enquanto interlocutor preferencial em todo este processo, não poderá deixar de apresentar publicamente aos Vizelenses os verdadeiros fundamentos pelos quais não se chegou a entendimento e comprovar a todos os vizelenses a falta de vontade do Eng. Carlos Coutinho que, uma vez mais, e inexplicavelmente, se recusou a criar condições para a reabertura das termas. É objectivo desta autarquia atestar, com factos concretos, que Carlos Coutinho não quer, nem nunca vai querer, chegar a um entendimento com qualquer investidor, motivo pelo qual “estará sempre aberto a negociações”.

Desta forma, a Câmara Municipal de Vizela convoca todos os órgãos de Comunicação Social, para uma conferência de imprensa a decorrer na próxima terça-feira, dia 15 de Março, pelas 16h00 no Auditório dos Bombeiros Voluntários de Vizela.

Por ultimo, este cenário deverá equacionar a mobilização de todas as sensibilidades vizelenses que, só de uma forma uníssa conseguirão derrubar o verdadeiro opositor de Vizela, pessoa que, ao longo dos últimos anos, tem castrado o crescimento desta terra e o seu desenvolvimento económico, que está, como todos sabem, dependente da actividade turística e, por sua vez, da abertura das termas.
CAMARA MUNICIPAL DE VIZELA