Maurícia Portela está desaparecida há um mês


Fez ontem um mês que a Maurícia Portela, eulalense de 28 anos de idade, desapareceu sem deixar rasto.

Faleceu Constância Pereira da Costa

Residia na Rua Padre João Paiva - Lordelo.

Vizela de Antigamente

1949 - Neste retrato com 73 anos vemos um grupo de vizelenses posando junto à bica de água quente na Praça da República com o fato domingueiro.

Auditório da Câmara de Vizela inaugurado este mês


(Vídeo) O novo auditório terá capacidade para 200 pessoas.  Fica no piso inferior da Câmara. Terá três entradas, uma de acesso ao palco e camarins. Irá receber as assembleias municipais. Um concerto da banda da Sociedade Filarmónica Vizelense deverá fazer parte da inauguração deste mês cuja data ainda vai ser anunciada. 

Victor Hugo Salgado anunciou que a inauguração está a ser preparada estando o auditório,  de que se fala há 24 anos, praticamente concluído. 

A modernização da linha do Minho, defendida pelo PCP há décadas, é exemplo flagrante da falta e atraso do investimento


Comunicado do PCP Distrital de Braga sobre a planeada nova linha férrea do Governo 

Ecosystem Tour dá a conhecer aos empreendedores o Ecossistema de Inovação


Ação integrada no Desafios 5.0, promovido pela AEP – Associação Empresarial de Portugal.

Reconhecemos que, neste caso, a Igreja falhou no seu dever de proteger os mais frágeis e vulneráveis

 .


.

COMUNICADO DA ARQUIDIOCESE DE BRAGA


É com dor e sofrimento que a Arquidiocese de Braga tem vindo a acompanhar, nestes últimos dias, através da comunicação social, o relato de homens e mulheres vítimas de abusos por parte do Cónego Manuel Fernando Sousa e Silva.

A Arquidiocese de Braga dirige-se, em primeiro lugar, a todas as vítimas, feridas física, emocional e espiritualmente pelos abusos sofridos, a quem com profunda tristeza e humildade pede perdão. Do mesmo modo, a Arquidiocese dirige-se às suas famílias, bem como aos agentes pastorais da Paróquia de Joane e a toda a comunidade cristã, pedindo perdão pelo sofrimento causado por estes acontecimentos. A comunidade paroquial tem sido sujeita a uma forte exposição mediática que reaviva memórias dolorosas, mas que contribui para trazer à luz factos que nunca deveriam ter acontecido. Reconhecemos que, neste caso, a Igreja falhou no seu dever de proteger os mais frágeis e vulneráveis.     Com a máxima transparência, reconhecemos os factos e damos conta dos passos que até agora foram dados para apurar a verdade. Assim, é importante salientar as principais fases deste caso:

– Em 21 de novembro de 2019, chegou à Comissão de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis da Arquidiocese de Braga (CPMAV) uma denúncia por parte de uma vítima, relatando ter sofrido abuso sexual por parte do referido sacerdote. Esta vítima mencionou a existência de outras vítimas. Dentro dos limites das suas competências, a Comissão diligenciou no sentido de identificar estas e outras possíveis vítimas, mas sem sucesso. Dois anos mais tarde, chegou à Comissão mais uma denúncia. Ambas as vítimas foram acolhidas e acompanhadas pela CPMAV. Confrontamo-nos, agora, com o elevado número de casos relatados pela Comunicação Social. 

– Tendo a CPMAV enviado os relatórios relativos às duas denúncias à autoridade eclesiástica competente, o então Arcebispo de Braga criou, em janeiro de 2022, uma Comissão de Investigação Prévia, em conformidade com as normativas eclesiásticas à data em vigor. Em maio de 2022, o atual Arcebispo de Braga enviou todos os elementos recolhidos para o Dicastério para a Doutrina da Fé.

– Por fim, em sintonia com o mesmo Dicastério, em julho de 2022, foram impostas medidas disciplinares ao sacerdote em causa, a saber a necessidade de se abster de exercer publicamente o seu ministério sacerdotal e, de modo particular, a celebração pública dos Sacramentos da Eucaristia e da Reconciliação, devendo recolher-se num clima de oração, reflexão e penitência.

Reconhecemos que não conseguimos ser mais céleres no tratamento do caso e mais eficazes no acompanhamento das vítimas, o que lamentamos. 

A CPMAV disponibilizará de imediato, no âmbito das suas competências, um serviço de escuta destinado a todos quantos desejem partilhar as suas dolorosas experiências. Este serviço estará disponível na Paróquia de Joane de forma presencial, sendo ainda possível recorrer ao mesmo por via telefónica ou por correio eletrónico. Os novos testemunhos que, entretanto, possam chegar à Arquidiocese poderão permitir uma leitura mais completa do caso e possivelmente justificar novos procedimentos.

Apelamos a todos os que possam ter sido vítimas de qualquer espécie de abuso sexual em alguma paróquia ou instituição da Arquidiocese de Braga a que contactem a CPMAV (comissao.menores@arquidiocese-braga.pt ou 913 596 668). 

Neste momento difícil da vida da Igreja em Portugal, queremos reafirmar: «Ele, Bom Samaritano, continua a gerar e a acompanhar a Sua Igreja». Confiamos que a nossa Igreja saberá abrir-se a um novo futuro, marcado pelo reconhecimento humilde e transparente dos seus erros e pecados, pelo acolhimento das vítimas e pela prioridade de criação de uma cultura de prevenção e cuidado.

A Arquidiocese de Braga

(Na foto o Arcebispo D. José Cordeiro. Faz hoje 11 anos que foi ordenado bispo! Uma caminhada que o trouxe a Braga este ano).

Marcha a favor da liberdade sexual percorreu ruas de Vizela

Vizela-Portimonense, 1-0 Para cá de Portimão mandaram os que cá estão


Vizela regressa às vitórias num jogo emotivo.
Valeu o golo de Anderson na primeira parte.
Os vizelenses enviaram num minuto duas bolas à barra e o resultado poderia ser mais dilatado. 
A partida decorreu de forma emotiva e o resultado esteve em aberto até ao apito final.
O Vizela alcançou assim à oitava jornada a segunda vitória da época, somou oito pontos, uma média de um ponto por jornada, e no próximo domingo volta a defrontar um adversário do seu campeonato, o Casa Pia.

90, mais 7 minutos. 

89, tiro de Kiko para grande defesa. Aliás. Guarda-redes estiveram em grande.

74, Vizela envia duas bolas consecutivas à trave da baliza. Podia ter resolvido o resultado. Muito melhor na segunda parte a equipa vizelense. 

61, grande contra ataque do FCV. Osmajic quase marca.

60, vamos ter jogo até ao fim. As duas equipas não se rendem.


55, Vizela a atacar mais. Vai entrar Osmajic sai Alexander Schmidit. Troca de avançados no FC Vizela. 

50, António Nobre perdoa segundo cartão amarelo a jogador do Portimonense que cortou bola com a mão fora da área. Vizelenses protestam.

- Começa segunda parte.

INTERVALO
O Vizela chega ao intervalo na frente do marcador diante duma equipa muito bem organizada e que rematou e atacou mais vezes. Vale o resultado. Espera-se uma segunda parte ritmada como a primeira.  Anderson marcou o único golo que pode ver no vídeo que segue.

37, Algarvios em tarde quente procuram empate. 

António Magalhães por Ricardo Costa

.

.

António Magalhães, Presidente da Câmara de Guimarães de 1989 a 2013, será o primeiro orador da sessão de encerramento de campanha da lista
liderada por Ricardo Costa à Comissão Política Concelhia do PS de Guimarães. A sessão pública está marcada para a noite da terça-feira, 04
de outubro, a partir das 21:15 horas, no Largo de Donães, no Centro Histórico de Guimarães.



As eleições, que vão ocorrer a 8 de outubro, no próximo sábado, na Escola Secundária Francisco de Holanda, culminam uma campanha de enorme
entusiasmo e envolvimento partidário e de cidadania da lista liderada por Ricardo Costa, a primeira a ser entregue formalmente na concelhia de Guimarães, pelo que lhe foi atribuída a letra A, encabeçando o boletim de voto destas eleições do PS local.

Esta sessão de encerramento da campanha visa apresentar a moção orientadora da lista A – Reforçar a Confiança, e firmar um compromisso
de abertura, diálogo e busca determinada do bem comum, primeiro com os
militantes do PS de Guimarães, os eleitores imediatos deste debate político, mas também com os vimaranenses em geral, os destinatários
últimos das políticas socialistas e do trabalho partidário a desenvolver.

Determinado a cumprir uma orientação estratégica de reforço do trabalho
político do PS de Guimarães, abrindo-o aos militantes e à sociedade em
geral, acreditando na relevância do envolvimento cívico, partidário e comunitário num momento histórico local, nacional e internacional de
tantas dificuldades, a Lista A, encabeçada por Ricardo Costa, tem por principal missão, nos próximos dois anos do seu mandato, reforçar o
debate e a democracia internas, o combate pela igualdade social e o cuidado pelos mais necessitados e frágeis da comunidade vimaranense.

O PS de Guimarães será, refere a moção “Reforçar a Confiança”, “um instrumento de ampliação e maximização da liberdade cidadã,
especialmente daqueles que se entregam à vida pública partidária, procurando dignificá-la sem nunca prescindir das mais elevadas
exigências éticas e culturais … respeitando quer o passado longínquo,
quer o mais próximo, recolhendo ensinamentos e ideias dos combates travados e da obra que se consumou”.



Portugal-Bélgica em Vizela: bilhetes-convite disponíveis a partir deste sábado

Jogo decisivo da Seleção de Portugal Feminina A está agendado para a próxima quinta-feira, às 18h00, no Estádio do Vizela.

Hospital da Luz Guimarães e Bombeiros de Vizela celebram protocolo


Protocolo prevê condições especiais em serviços de saúde para sócios, elementos da corporação e seus familiares diretos.

HOJE S. Miguel das Caldas em festa

Paróquia de S. Miguel, depois de interregno devido à pandemia covid-19, está de regresso este sábado ao convívio Paroquial em honra do seu orago. 

O padre Constantino Matos de Sá revelou ao ddV que o programa conta com uma procissão com a imagem do patrono entre a igreja matriz de S. Miguel e a igreja Paroquial. Esta procissão sai às 17 horas.

Igreja Matriz 

Uma hora depois celebra-se a Eucaristia em honra do padroeiro e de todos os paroquianos.

A partir das 19 horas e até às 22 horas realiza-se o convívio Paroquial no parque de estacionamento em frente à igreja com grelhados, feijoada, caldo verde, assados e outros petiscos.


O convívio inclui ainda música ao vivo com o Grupo de Cavaquinhos da Casa do Povo de Vizela e a dupla Otávio Machado-Armindo Assunção. 

O padre Constantino deixa o convite a todos que queiram participar para comparecerem.

ARCANJO S. MIGUEL 

Em hebraico, Miguel significa "aquele que é similar a Deus" (Mi-"quem", kha-"como", El-"Deus"), o que é tradicionalmente interpretado como uma pergunta retórica: "Quem como Deus?" (em latimQuis ut Deus?), para a qual se espera uma resposta negativa, e que implica que ninguém é como Deus. Assim, Miguel é reinterpretado como um símbolo de humildade perante Deus.[9]

Na Bíblia Hebraica, Miguel é mencionado três vezes no Livro de Daniel, uma como um "grande protetor que defende o povo de Deus" «Nesse tempo se levantará Miguel, o grande príncipe que se levanta a favor dos filhos do teu povo;» (Daniel 12:1). A ideia de Miguel como um advogado de defesa dos judeus se tornou tão prevalente que, a despeito da proibição rabínica contra se apelar aos anjos como intermediários entre Deus e seu povo, Miguel acabou tomando um lugar importante na liturgia judaica.

Em Apocalipse 12:7-9, Miguel lidera os exércitos de Deus contra as forças de Satã e seus anjos e os derrota durante a guerra no céu.

Na Epístola de Judas, Miguel é citado no versículo 9 especificamente como o "arcanjo[10] que menciona a frase "O Senhor te repreenda" contra Satanás quando esse discutia sobre o corpo de Moisés. Os santuários cristãos em honra a Miguel começaram a aparecer no século IV, quando ele era percebido como um anjo de cura, e, com o tempo, como protetor e líder do exército de Deus contra as forças do mal. Já no século VI, a devoção a Arcanjo Miguel já havia se espalhado tanto no oriente quanto no ocidente. Com o passar dos anos, as doutrinas sobre ele começaram a se diferenciar.

Wikipédia 

HOJE Casacos a um euro na Loja de Infias

Não é a primeira vez que acontece: o Grupo de Jovens de Infias, apostado na solidariedade social, vai proceder este sábado à venda de casacos usados

Marcha LGBTI+ este sábado em Vizela


Este sábado, dia 1 de Outubro, meia hora antes do FC Vizela-Portimonense, ocorrerá em Vizela a Primeira Marcha LGBTQIAP+ Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgénero, com o slogan de "Vizela Sem Tabus".