VISITE VIZELA

Estrangulou prostituta por quem se apaixonou

Acabou de forma trágica a discussão de Miguel Martins e Poliana Ribeiro - ele construtor civil desempregado, ela prostituta -, que mantinham uma relação amorosa em Guimarães.

Durante o desentendimento, o homem apertou o pescoço da mulher, de nacionalidade brasileira, com tal violência que acabou por matá-la por estrangulamento.
A zanga ocorreu na madrugada de sábado, entre a meia-noite e as 9.15 horas, quando Miguel foi dormir à taberna onde Poliana "trabalhava", no centro da cidade. O homem, de 35 anos, natural de Azurém, vive com o pai na Rua do Isqueiro, em Corvite, Guimarães. Apresentava Poliana como sendo sua namorada e passava muitas noites com ela na casa de alterne.

(O resto desta notícia pode ler na edição de hoje do Jornal de Notícias)