O ddV saúda todos os candidatos às autarquias do Concelho de Vizela concorrentes às eleições de 1 de outubro. Viva o Concelho de Vizela.

FESTAS VIZELA: Cuca Roseta sobe hoje ao palco do multiusos

Uma das melhores (e mais bonitas também) fadistas portuguesas da atualidade, estreia-se em Vizela. Uma voz única, a não perder!

As Festas da Cidade de Vizela 2016 entram hoje no seu quinto dia (vão até dia 14). Cuca Roseta, uma das vozes mais emblemáticas do fado sobe esta noite (22h00) ao palco do multiusos de Vizela. A entrada é gratuita.

Carreira

Cuca Roseta é uma das vozes da nova geração do Fado. O seu primeiro disco, lançado em 2011, foi produzido por Gustavo Santaolalla (génio musical e produtor detentor de 2 Óscares de Hollywood e mais de 20 Grammys). Posteriormente grava “Raiz” onde se assume como compositora e letrista da maior parte dos temas. O sucesso repete-se e cante em mais de 30 paises de mundo, em todos os continentes. Cuca trouxe a beleza e a modernidade que o fado precisava, nunca esquecendo a essência da canção de Portugal, mas apresentando-a de uma forma que o mundo precisava ouvir.

No terceiro disco volta a surpreender e convida um aclamado produtor brasileiro. A primeira vez que Cuca Roseta cantou no Brasil foi durante o Campeonato do Mundo, tendo atuado nas principais cidades, sempre com teatros lotados. Aqui nascia a admiração e o amor do Brasil por esta fadista, que também não passou despercebida a uma pessoa muito especial: Nelson Motta, compositor, jornalista e produtor do Brasil, que sempre lhe dedicou os maiores elogios. Quis o destino que estas duas pessoas se cruzassem e Cuca Roseta, após um encontro em Lisboa, convidou Nelson Motta para produzir o seu mais recente disco. Nelson aceitou, mesmo depois de 10 anos de interregno, pois viu em Cuca Roseta um potencial único e um projeto que sempre quis fazer - gravar um disco de world fado - um fado virado para o mundo. Este casamento musical não poderia ter sido mais bem sucedido. Entre o Rio e Lisboa, juntou-se o talento e a voz de Cuca Roseta à sábia mestria de Nelson Motta. O disco, de nome “Riû”, junta vários universos musicais que influenciaram o fado e figuras incontornáveis da música mundial como Bryan Adams, Djavan, Ivan Lins, Jorge Drexler entre muitos outros.[2] A fadista multiplica as suas participações e concertos pelo mundo inteiro. No ano de 2015 a fadista cantou em mais de 120 concertos, em Portugal e no estrangeiro.
Discografia

Cuca Roseta (Universal Music Internacional + Surco, 2011)
Raiz (Universal, 2013)
Riû (Universal, 2015)

Outros

2007 - Fados - 'Rua do Capelão'
2014 - Nelson 70 - 'Apaixonada'

Colaborações

2011 - Fado dos Barcos (com Pierre Aderne, álbum Água Doce)
2012 - Apelo - Soneto de Separação (com João Braga, álbum Fado Nosso)
2012 - É Lisboa A Namorar (com 3JS, álbum Totzoverder)
2013 - Canción Negra (com Karl Jenkins, álbum Jenkins: Adiemus Colores)
2014 - Si Aún Te Quieres Quedar (com David Bisbal, álbum Tu Y Yo)
2014 - Tristes Pássaros (com Cristiana Águas, álbum Cristiana Águas)
2015 - Grava "O Amor não é Somente o Amor" com Djavan