BOAS FESTAS. FELIZ NATAL. BOM 2019

Após falecimento do seu Presidente, Liga de Amigos das Termas reúne em janeiro

Falecimento de Alcides Campelos deixou órgãos sociais consternados.


Cidália Faria (na foto), vice presidente da Liga assume a liderança da Liga dos Amigos das Termas após falecimento súbito de Alcides Campelos ocorrido no dia 8 de dezembro.

«Porque atravessamos um período de festas natalícias e ainda vivemos o choque da partida do nosso amigo e presidente Sr. Alcides Campelos, decidimos que o melhor seria esperar para janeiro para nos debruçarmos sobre a situação diretiva».
Cidália Faria acrescenta que o presidente da Assembleia, José Manuel Couto e o presidente do Conselho Fiscal, Arlindo Santos, estão de acordo que se faça este interregno e se retome os trabalhos em janeiro.
Cidália Faria teve o último contato de Alcides Campelos dois dias antes do seu falecimento: «Telefonou-me a perguntar se já tinha algumas ideias para incluir no próximo Plano de Atividades e nas comemorações do 19 de março. Foi a última vez que falamos» - diz a atual líder da Liga dos Amigos das Termas bastante comovida.

ANO DA PERDA DE PRESIDENTES
O ano 2017 ficará na história como aquele que mais presidentes do associativismo perdeu por motivos diferentes.
A morte de Alfredo Ribeiro deixou vazios os lugares de presidentes da AIREV e da Confraria de S. Bento das Peras.  Com a morte de Alcides Campelos foi a Liga dos Amigos das Termas a ficar sem presidente da Direção.
Também mudanças se registaram na Real Associação dos Bombeiros Voluntários de Vizela com esta instituição vizelense a ver sair o seu Presidente de Direção João Ilídio Costa por pedido de demissão deste.
Ao todo são quatro as instituições que se viram obrigadas, em curto espaço de meio ano, a alterar o número um dos seus executivos. Algo inédito.